Crianças são muito curiosas e talvez você até se lembre de como era quando pequeno. Eu costumo dizer que nunca saí da “fase do porquê”, já que ser curiosa é uma característica muito forte da minha personalidade.

As crianças adoram explorar as coisas ao seu redor e descobrir o porquê de tudo. Aproveitar essa curiosidade inata  para propiciar de forma significativa o aprendizado, é uma ótima maneira de aprimorar o desenvolvimento intelectual das crianças.

A curiosidade no processo de aprendizagem

Uma pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, realizou diversos experimentos para descobrir o que acontece no cérebro quando a curiosidade é despertada. Como conclusão, a pesquisa revelou dois importantes achados:

  1. a curiosidade prepara o cérebro para a aprendizagem
  2. a curiosidade torna a aprendizagem subsequente mais gratificante.

Ou seja, a curiosidade está intimamente ligada ao processo de aprendizagem, pois, além de preparar o cérebro para a nova descoberta que irá fazer, também pode tornar o aprendizado uma experiência mais efetiva,prazerosa e estimulante para novas curiosidades que irão gerar mais aprendizado.

 

Como aguçar a curiosidade das crianças?

O processo de aprendizagem não precisa acontecer somente na escola, muito pelo contrário! Quanto mais estímulos a criança tiver para aprender, melhor será seu desenvolvimento intelectual. Por isso, reuni 4 maneiras de despertar a curiosidade das crianças, para te ajudar nesta missão. Confira:

1- Proponha Jogos de perguntas e respostas:

Jogos e desafios de perguntas e respostas são passatempos preferidos das crianças que já estão em idade escolar, mais precisamente a partir dos 6 anos, quando ainda estão desenvolvendo noções de regras. Se até mesmo para adultos, jogos e desafios de perguntas e respostas são super divertidos, imagine o quanto chamam a atenção das crianças! Elas podem buscar por si mesmas a ampliação destes conceitos pelos meios que tiverem acesso, seja pela internet, pelos livros, ou por meio de uma boa conversa. Isso é maravilhoso, pois também incentiva o hábito de pesquisar e descobrir respostas as respostas que procura.

2- Estimule o contato com a arte:

O contato com a arte é fundamental para que possamos nos expressar, conhecer e explorar nossas habilidades, individualidades… além de cativar ainda mais criatividade, não é mesmo? Por isso, é importante o estímulo  deste contato com a arte na infância.

3- Incentive brincadeiras ao ar livre e o uso da imaginação:

Enquanto a criança brinca livremente, também cria, desenvolve a imaginação, aprende coisas novas, organiza e memoriza o que já aprendeu, elabora e reproduz experiências que já viveu. Através do “faz de conta”, a criança pode se imaginar desempenhando vários papéis, brincando de “ser”, enquanto está construindo quem ela é. Também é válido lembrar que, brincar também ajuda a desenvolver habilidades psicomotoras e cognitivas, de ajudar na socialização das crianças. Saiba mais sobre psicomotricidade em:  O que é Psicomotricidade?

4- Cozinhe com as crianças:

Quem nunca brincou de comidinha? A brincadeira de fazer comidinha é uma prática muito comum entre crianças de diferentes gerações e culturas, sendo um dos primeiros caminhos, pelos quais os pequenos entram no mundo da brincadeira simbólica. Cozinhar com as crianças é uma grande oportunidade para despertar o gosto pela culinária, estimular uma alimentação mais saudável, além de proporcionar autonomia e ensinar noções de química, higiene, responsabilidade, cuidado e respeito ao próximo, aproveitando para também compartilhar momentos divertidos e deliciosos com os pequenos.

Você tem filhos, convive com crianças, é professor ou lida com crianças de alguma outra forma? Diga nos comentários como você estimula a curiosidade e a aprendizagem dos pequenos.

 

FACEBOOK | GOOGLE + | PINTEREST

pinit fg en rect red 28 - A curiosidade melhora o processo de aprendizagem? Por quê?

15 thoughts on “A curiosidade melhora o processo de aprendizagem? Por quê?”

  1. Verdade, temos que instigar o querer saber das crianças. Para aguçar o gosto pela leitura do meu irmão e ensiná-lo a ler, eu lia gibis pra ele desde pequeno e hoje com 17 anos adora ler os mais variados gêneros, me orgulho muito. Parabéns pelo teu post. Beijos

  2. como pedagoga, amo crianças curiosas, desde aquelas que são curiosas mas fazem menos alarde, até aquelas mais doidas que fazem perguntas onde a gente não sabe onde enfiar a cara.
    Ensino meu irmão a gostar de ler e acho isso super importante e como toda a minha familia le muito, ele acabou pegando gosto!

  3. Olá, tudo bem?

    Um tema muito bacana para trazer para um post, pois muitas pessoas não gostam ou não incentivam a curiosidade das crianças. Tenho uma sobrinha de 5 anos e ela é dessas que pergunta sobre tudo e os porquês, e tentamos ao máximo incentivar essa curiosidade. Adorei essas dicas que você deu, com certeza vou começar a jogar jogos que pedem perguntas e respostas, assim como atividades ao ar livre. Parabéns pelo post!

    Beijos!

  4. Oi, tudo bem? Ainda não conhecia o site, mas adorei as temáticas. Sempre fui uma criança muito curiosa e acredito que meus pais irão concordar ahaha Adorei as dicas e com certeza vou me lembrar delas quando for mãe <3

  5. Oi Isa!!
    Eu tenho uma filha de 3 anos que é extremamente curiosa. Ela sempre me pergunta o porque de tudo. Eu também incentivo que ela queria saber, pois acho isso importante para o aprendizado dela.
    Adoro seus blog. Sempre pego dias bacanas!!
    Bjs

  6. Sim, super concordo com esse tipo de processo de aprendizado a curiosidade torna sim o aprendizado mais gratificante, pois instiga em querer aprender e o contato com a arte isso é ótimo também ajuda tanto as crianças.

  7. Olá!
    Nunca tive muito contato com crianças. Sou filha única e minhas primas todas cresceram junto comigo, temos idades muito próximas. Porém sempre percebi o poder da curiosidade porque eu sou muito curiosa e tudo aquilo que me interessava de alguma forma foi sempre mais fácil de aprender. Na escola, muitas vezes somos bombardeados de saberes descontextualizados, por isso as dicas que você citou são tão importantes: jogando, criando, cozinhando, fazendo todas essas coisas acabamos criando links mentais entre os saberes.
    Abraços! 🙂

Deixe seu comentário!